Paris I – Champs-Élysées, Arco do Triunfo e Museu do Louvre

Pra ser bem sincero eu nunca tive essas vontades todas de conhecer Paris. Ok, é uma cidade famosa, histórica, romântica, bonita – pensava eu, mas que não me atraia tanto como Londres, Pequim, Joanesburgo e outras cidades mais. Mas, se estamos há pouco menos de 02 horas de vôo de lá, os poucos e queridos leitores desse blog me recomendaram e a passagem custa-me € 45,00, vamos lá, né?

Timetable mostra 90% dos vôos cancelados por causa do vulcão Eyjafjallajökul.

Peguei o vôo Dublin – Paris no dia 22/04/10. É isso mesmo, no auge do vulcão Eyjafjallajökull. Pra ser ainda mais preciso o aeroporto de Dublin ficou fechado por uma semana. No dia 21/04 eles estavam fazendo os vôos de teste e no dia 22 eu viajei. Com um medo indiscritível, mas fui. Fiquei lá do dia 22 ao dia 27 de abril e o resultado final dessa despretensiosa viagem foi que Paris ganhou mais um fã incondicional.

Champs-Élysées

A Champs-Élysées é considerada uma das maiores avenidas do mundo, além de ser a mais cara de Paris. Caminhar por ela, de ponta a ponta, é mais do que sentir o luxo e o charme de perto, é pasear pela história da França.

Logo no início dela está o Arco do Triunfo. Um monumento lindo construído por Napoleão Bonaparte para homenagear os soldados mortos na guerra e celebrar as conquistas militares da França.

Arco do Triunfo

Em toda a Champs-Élysées estão instaladas diversas lojas conceitos de marcas como Peugeot, Renault, Nike, Adidas, Häagen-Dazs, Publicis, Dolce Gabbana, Fnac, Dysney, Hugo Boss e Lacoste. Entrar em qualquer uma delas é receber uma aula intuitiva de marketing. É no mínimo inspirador.

Pra mim, tomar um café (ou uma cerveja) em um dos seus charmosos cafés e simplesmente apreciar o movimento dos carros e das pessoas é uma das melhores experiências que se pode ter em Paris.

Na Champs-Élysées também tem mendigo.

Depois de passar por todas essas lojas e pelos cafés cheguei até a Place de la Concorde, local onde o Rei Luis 16 e sua mulher, Maria Antonieta, foram guilhotinados. Me lembrei muito das minhas aulas de história quando passei por este lugar, porque Revolução Francesa era um dos meus assuntos preferidos. =D

Seguindo em frente, atravessei o parque das Tulheiras e cheguei até o museu mais famoso e importante do mundo segundo os próprios franceses – o museu do Louvre. Embora seja um museu, o Louvre é uma moderna pirâmide de vidro instalada ao centro de uma série de prédios clássicos – a sede da corte francesa desde o século 13.

O clássico e o moderno convivendo em harmonia

Em breve mais sobre Paris. =D

13 Comentários

Arquivado em Paris

13 Respostas para “Paris I – Champs-Élysées, Arco do Triunfo e Museu do Louvre

  1. Bruna Azevedo

    Thiago, admiro sua habilidade de nos deixar com água na boca com essa forma de se expresar e com essas lindíssimas fotos. Parabéns!
    A França tem mais uma fã incondicional e tb sou sua fã incondicional!

  2. Marcondes

    Olá Thiago, gostei bastante do seu post. Viajei nele, voltei a Paris. Ao contrário de você, eu sempre tive vontade de ir a Paris, depois de estudar teoria literária não me contive e fui. É uma cidade fascinante e você registrou bem a marca da cidade. Impossível não se apaixonar, não é? Espero me apaixonar por Dublin também. BTW, (também ao contrário de você) não tenho vontade de ir a Londres, deixei de ir lá quando estive em Paris e perdi o bilhete rs
    É o fascínio exercido sobre mim pela França! Um abraço!

  3. Amanda Cardoso

    Fiquei com vontade de visitar a frança!!! rsrsrs Muito bom seu blog, ficamos sabendo um pouco mais de outras culturas…

  4. Amanda Cardoso

    Fiquei com vontade de visitar a França!!! rsrsrs Muito bom seu blog, ficamos sabendo um pouco mais de outras culturas…

  5. Que luxo. Da Lagoa do Araçá para a Champs-Élysées. Tás muito fino mesmo. Beijo e aproveite bem muito.

  6. Adorei o post!
    Estou indo pra Irlanda em Julho e na minha cabeça (meus planos loucos) se eu ainda tiver na irlanda em dezembro, qro passar o natal em Paris.

    Adorei o blog, vou listar lá no meu pra visitar sempre🙂

    Bjs

    Manu

  7. Pingback: Paris II – Torre Eiffel e Ponte das artes « Em Dublin

  8. Pingback: Oslo – Noruega « Em Dublin

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s