Se arrependimento matasse eu viveria mais uns 100 anos

Esse título não é meu. Li em algum lugar há algum tempo, mas desde lá decidi que seria o título do último post deste blog.

De fato, viver uma experiência fora do país natal não é nada fácil: senti muita falta da minha família, dos meus amigos, da minha casa, do meu bairro, da praia de boa viagem, das ostras, da macaxeira com carne de charque, dos mercados do recife, de tomar uma em um barzinho simples e aconchegante, de dirigir pelas pontes do recife, de sambar, de chamar uma negrinha desenrolada pra dançar um brega, do espetinho te teresa, da comida da minha avó e de várias outras coisas que eu sempre considerei banais, mas que depois de 11 meses longe de casa percebi que são importantíssimas para mim.

Sair da zona de conforto foi uma das experiências mais difíceis da minha vida, pois eu sempre estive rodeado de pessoas que desejam o meu bem e, de repente, por muitas vezes, me senti sozinho. Porém, sem dúvida, esta foi a experiência mais rica, interessante e inspiradora que este cidadão que vos fala já viveu. Conhecer e conviver com pessoas dos quatro cantos do mundo com hábitos e culturas completamente diferentes dos seus é fantástico. Trabalhar em um subemprego é cansativo, mas enriquecedor se você estiver com os sentidos e a cabeça aberta para extrair tudo de bom que ele tem a lhe oferecer. Ter contato com idéias, conceitos e maneiras de enxergar a vida que você jamais pensou que existisse é inspirador.

Hoje é sexta-feira, 03 de dezembro de 2010, estou blogando de um dos meus lugares preferidos em Dublin (Starbucks da Grafton Street) e quero registrar que tudo valeu muito a pena. Estou indo ao brazil em dois dias com as lembranças inapagáveis de centenas de pessoas, 14 países e o principal: a certeza de ter me tornado um ser humano melhor.

Caso você tenha necessidade, mande um e-mail para thiago.nascimento@myintercambio.com.br com suas dúvidas que farei o possível para lhe ajudar.

19 Comentários

Arquivado em Brasil, Irlanda, Viagem

19 Respostas para “Se arrependimento matasse eu viveria mais uns 100 anos

  1. la se vai mais um amigo, nunca pra sempre!

    valeu meu rei, aproveita o brasilzao e nos deixe atualizados das novas experiencas devolta para o futuro🙂

    • Jamais pra sempre, meu velho. Sabes que nós da geração Y nunca estamos satisfeitos com nada. Quem sabe não te encontro em uma nova quebrada?

      Com certeza manteremos contato. Continua arrebentando por aqui e tudo de mehor!

  2. Bruno

    Muito bom mulekee.. o que me deixa mais feliz sabe o que eh? foi poder ter feito parte dessa sua experiência inesquecível caro amigo.

    Te desejo toda sorte no mundo! e se todos fossem iguais a vc..o mundo seria melhor irmão!

    Um forte abraço grande amigo.

    Bruno da Costa

    • Obrigadíssmo, meu amigo. Sem dúvida, você foi peça fundamental nessa minha trajetória. Te desejo também muita força, disciplina e perseverança para alcançar todos os seus objetivos.

      Estarei sempre por perto.

      Um abraçao.

  3. em fevereiro serei eu. e março é nóis no carnaval dançando http://www.youtube.com/watch?v=cMByR6oCpfg

  4. Liliane

    Tiago sei exatemente oq vc passou ai em Dublin. Morei quase 2 anos no EUA e é muito engraçado que a gente só sente falta das coisas mais simples da vida que nós contumavamos fazer quando estávamos no Brasil quando a gente fica longe por muito. Me senti do mesmo jeito que vc esta sentido é muito estranho mesmo ficar longe de casa e da família mais a experiencia de vida que adquirimos morando fora do país é nãp tem preço. Agora eu to morando no Canada, eu acho que sou doida pra fazer isso mais uma vez mais oque eu procuro na vida não vou encontrar no Brasil. Que é instabilidade financeira e um currículo escolar invejavel.
    Espero que vc tenha aproveitado todo esse tempo e emprendido bastante a dar valor nas coisas mais simples da vida porque eu com certeza aprendi e estou ainda aprendendo muito com a vida.

    Um grande beijo e boa sorte na vida

    Fica com Deus,

    Liliane🙂

    • Quanto tempo, Liliane. Pensei que poderia te ver quando voltasse pra recife agora, mas tu ja embarcasse de novo, mulher. hahahha. e isso aí. parabens pela ousadia e determinacao.

      Um bjao. Fica na paz. All the best!

  5. Izabella

    Adorei o que escreveu!! Nao sabia que tinha blog… agora vou dar uma lida geral!!
    Boa volta ao Brasil!
    Felicidades!!!

  6. é um processo de autoconhecimento sem comparação. forte e imapctante, muito mais do que qualquer sessão de análise. é foda. bom e ruim ao mesmo tempo, como foi sair daqui pra ficar longe de quem a gente gosta. igual também ao momento de voltar pra casa, né? venha simbora. e fique o quanto achar necessário pra crescer ainda mais. se outros horizontes começarem a lhe chamar, siga. o mundo é mutante. a gente também. welcome back, zé.

  7. Foi muito bom ler seus posts desse jeito tão particular que você escreve…..bom demais!!
    Que o seu novo “eu” faça a diferença naquele nosso país maravilhoso e que precisa cada dia mais de gente que foi, viu e voltou…
    Sucesso em tudo!!!
    Um ótimo 2011 pra você!
    Luciana

  8. victor

    caraca meu!
    demais seu blog, seus posts são muito inspiradores e quero ver tudo isso.

    vou pra dublin em março, e sou um saco de ansiedade. valeu pelos toques cara.

    abraço

  9. Thais

    Ola!!Tudo bem ?Queria poder conversar melhor contigo a respeito da escola Atlas.Estou indo para Dublin em agosto.Se puder fazer esse favor.Qual é o seu e-mail ou msn?

    Obrigada

  10. soraya

    Oi de novo!
    Lendo “se arrependimento matasse…” descobri que és meu patrício!!!
    Abraço,

  11. Felipe

    Olá, pode me tirar uma dúvida? Se eu desejasse passar mais de um ano em Dublin, poderia? O que teria que fazer?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s